Pular para o conteúdo principal

Destaques

Pilão Inova e Lança Café Solúvel Saboroso Como o Coado

Pilão , marca do café forte do Brasil e líder do setor no país, lança o novo Pilão Solúvel que une a praticidade do solúvel com blend , sabor e aroma semelhantes ao café coado. A inovação tem como objetivo aumentar o número de consumidores na categoria com o perfil sensorial do café coado, o mais consumido pelos brasileiros (66%), de acordo com dados da Organização Internacional do Café (OIC).     Segundo levantamento feito pela Associação Brasileira de Café Solúvel (ABICS), a categoria cresceu 19% nos primeiros quatro meses deste ano tanto no consumo interno quanto nas exportações. Entre janeiro e abril, ao todo, foram 298 mil sacas de 60kg ante 251 mil sacas no mesmo período do ano passado.   “A categoria de cafés solúveis vem conquistando cada vez mais adeptos em todo o mundo, inclusive no Brasil em função da oferta de bons produtos que agregam a facilidade no preparo no dia a dia. Pilão Solúvel traz o DNA da marca, com as características do café encorpado que todo o brasileiro conh

Ronaldo Fraga: Gênio e Designer.

Escrevi algo sobre o último desfile do Ronaldo Fraga, já tem um tempinho, mais vale a pena públicar:

31 de Janeiro as 18h00 fomos agraciados mais uma vez com o desfile do gênio e designer Ronaldo Fraga, intitulado de “Athos do início ao fim”. A coleção de inverno 2011 agradou esteticamente e intelectualmente,
Ronaldo teve como base para suas criações as obras de Athos Bulcão, um artista completo. Obras essas de seu inicio e intermédio de carreira que tinham formas mais delineadas e geométricas e ao fim linhas tortuosas e tênues por conta dos sintomas de Parkinson que o acometeu.
A cenografia foi montada com diversos croquis da coleção no tamanho de azulejos pendurados a cima da passarela, relembrando os famosos azulejos de Athos. O desfile abre ao som do violão com “Se Todos Fossem Iguais a Você” de Tom Jobim e Vinicius de Moraes, acredito que em forma clara de homenagear Athos Bulcão, e continua com um popurri de músicas.
A modelo que abre o desfile transita pelos croquis e na pose final não chega ao fim da passarela deixando assim seu rosto encoberto pelos croquis, algo significativo principalmente nos desfiles do Ronaldo que por vezes não específica um “corpo” para vestir suas peças.
Apresentou uma coleção feminina com estampas geométricas que foram retiradas dos azulejos de Athos, um deles bastante conhecido da Igreja Nossa Senhora de Fátima em Brasília. As modelagens das peças também partem de um geometrismo mais que ao vestir tem excelente caimento e movimento. Muitas peças são construídas a partir da sobreposição de retângulos de diversos tamanhos.
A cartela de cores é retirada das obras tanto para a construção da coleção quanto para o make up.
Ronaldo traz transparências que acredito estar no inconsciente coletivo dos criadores que desfilam suas coleções nesta edição do SPFW.
O desfile se encerra com a música “Escravo da Alegria” de Toquinho, para certamente demonstrar sua felicidade ao criar embasado pelas obras de Athos Bulcão.

Comentários

Postagens mais visitadas