Pular para o conteúdo principal

Destaques

Como Fazer um Vaso Suspenso - DIY

Olá

Hoje, vou ensinar a fazer um vaso suspenso. Aqui em casa é a única forma que posso cultivar plantinhas, pois meus filhos (um casal de gatos) comem todas as que estiverem ao alcance deles.
Eu e meu marido montamos o vaso para abrigar uma cebola que brotou na gaveta da geladeira. Todos os materiais que usamos tínhamos em casa, mas, caso você não os tinha pode encontrá-los na Leroy Merlin - me patrocina Leroy?




Você vai precisar de um pote de vidro, mais ou menos dois metros de cabo de aço, uma abraçadeira e uma roldana com parafuso.  

Enrolamos o cabo de aço em volta da boca do pote, com uma das pontas saindo pela trava dele e outra pela tampa. Unimos as duas pontas com a abraçadeira para ficar bem seguro, em seguida passamos o restante do cabo pela roldana, a qual parafusados em uma prateleira, e finalizamos com várias voltas e amarrações do cabo na mão francesa que sustenta a prateleira.  




Muito fácil e lindo!
E você, gostou?

Visita ao Ateliê da Estilista Fernanda Yamamoto


Pela segunda vez, a estilista Fernanda Yamamoto abre as portas do seu ateliê, para através de visitas guiadas contar sobre o processo de criação e desenvolvimento de sua coleção recém-lançada. No caso o Inverno 2015, que foi desfilado em novembro na SPFW. Reveja aqui o desfile.



Por volta de dez inscritos tiveram a oportunidade de passar algumas horas no ateliê, que fica sobre a loja, e ouvir de cada membro da equipe de Fernanda qual seu papel na construção da coleção. Alguns processos como a feltragem, foram demostrados e junto era apresentado o resultado final, na peça. 
A estilista contou que seu processo de criação não é linear e suas inspirações estão ligadas a sentimentos, sentidos e questões pessoais. Ela também revelou algumas curiosidades sobre peças da coleção, como: o casaco verde (foto abaixo) é construído a partir da união de 52 partes - normamente um casaco tem apenas 15 partes- e seu piloto levou cinco dias para ser costurado.


Adorei a estrutura do local, ver modelagem, pilotagem, produção, finalização e criação, juntos no mesmo espaço, um ao alcance do outro, facilita o trabalho e certifica de que será impecável, pois uma peça é a união de muitos processos, dependentes entre si.

Fernanda ao fim da visita respondeu a perguntas e eu quis saber sobre sua próxima coleção na SPFW. Ela disse que, vai pular edições de Verão da SPFW, pois o inverno combina mais com a marca, da maior liberdade para criações de tecidos, sobreposições e, nas palavras da estilista, "nesta estação, se olha mais a roupa". Para o próximo inverno ela trará uma coleção inspirada na renda renascença da Paraíba e na ligaçāo das rendeiras com sua consumidora.


Adorei a experiência de hoje e passei a gostar ainda mais da marca após conhecer a Fernanda, sua paixão pelo que faz e seu processo criativo. 

Comentários

hostinger

Postagens mais visitadas