Pular para o conteúdo principal

Destaques

AMARO - Sale

A Amaro está em liquidação de inverno com descontos que podem chegar até 80% ao longo da SALE. A ação, que iniciou hoje e vai até 18/08, terá programação de descontos diferente a cada semana. Opções de roupas, sapatos, moda praia e acessórios estão entre a seleção de modelos que estarão disponíveis no site, Guide Shop e app da marca.

Durante todo o período da ação as clientes poderão participar ativamente da escolha das categorias que receberão um desconto extra. A marca que possui a cliente no centro do seu negócio, irá publicar toda sexta-feira uma survey nos stories e site dando duas opções de linhas para as consumidoras decidirem qual deve ter a sua porcentagem de desconto ampliada. A vencedora será revelada toda segunda-feira.
Os Guide Shop também receberão ativações que prometem agradar. Durante a segunda semana da SALE as consumidoras poderão interagir com uma máquina de descontos e retirar a porcentagem de desconto que irão receber nas suas compras do dia, podendo variar de R$10…

A interdisciplinariedade na moda

A moda é um aréa do saber transdisciplinar e multidisciplinar, escrevi um pouco a respeito disso no meu TCC e publico agora pra vocês:

1.      Design de Moda, Interdisciplinaridade e Transdisciplinaridade

Após anos de pesquisas e desenvolvimento da sociedade, o ser humano observou que, se analisar uma questão sob vários pontos de vista e a partir de diferentes áreas (antes ditas distintas e hoje complementares), pode-se gerar uma “resposta” de maneira mais objetiva, precisa e adequada. Esses conhecimentos diversos, unidos em função de um objetivo comum, caracterizam-se por transdisciplinaridade e interdisciplinaridade, e visam à unidade do conhecimento, ou ao diálogo entre os saberes. A diferença entre os dois conceitos é que, na interdisciplinaridade, estabelece-se uma relação comum entre uma ou mais matérias ou áreas do conhecimento, já na transdisciplinaridade, há uma união de saberes de distintas disciplinas que, sozinhas, não explicariam o objeto de estudo em questão.
É principalmente no Design que observamos a eficácia dessa forma de criação, pois ele demanda conhecimentos teóricos em distintas áreas do saber, e isso possibilita ao designer preestabelecer problemáticas a serem minimizadas - ou mesmo solucionadas - por meio de sua criação, que dessa maneira passa a ter melhor desempenho e eficácia. “O design, através de sua práxis, seria o elo conciliador ou interventor entre especialistas de diversas áreas” (BONFIM, 1997, p. 30).
A criação de objetos passou por várias fases até chegar ao que conhecemos hoje por “design”. No princípio, eram os artesãos, criando um a um e de maneira única; então se desenvolveu a produção industrializada, na qual um objeto, antes de ficar pronto, passava pelas mãos de mais de uma pessoa. Isso fez com que a produção ganhasse ritmo, fragmentando, assim, a confecção da peça. Com o passar dos anos, temos o início da Revolução Industrial e a produção em série, fazendo com que os objetos perdessem sua identidade. Por fim, chegamos aos dias atuais em que o designer apropria-se de conhecimentos externos para a criação de um produto, podendo, este, ser único ou produzido em série, de forma a proporcionar soluções estéticas e práticas adequadas a pessoas, ambientes, cidades etc.
Ao fazer moda, utilizamo-nos de conhecimentos de disciplinas diversas e complementares para criarmos roupas, acessórios e tendências. Posso citar como exemplo o trabalho interdisciplinar no qual, junto com o curso de Design de Games, criamos um produto que não foi nem um jogo (mais habitual para eles), nem um desfile (mais usual para nós). Desenvolvemos um vídeo com a construção de quatro peças em moulage, e o espectador poderia escolher - entre quatro possibilidades diferentes - o que o filme poderia ter. Como tema tínhamos a Paixão.
No presente trabalho, pode-se observar a interdisciplinaridade nos muitos saberes que irei percorrer para criar a coleção. São eles moda, medícina e psicologia.

Comentários

Postagens mais visitadas